• Facebook Page: joinvilleifsc
  • Twitter: ifscjoinville

Guia de Cursos

acesso portal guia cursos

perguntas frequentes

fale conosco

ouvidoria

acesso informacao

Home Notícias Projetos de intervenção em saúde: a informação como base para prevenção e tratamentos adequados

 

 

 

Projetos de intervenção em saúde: a informação como base para prevenção e tratamentos adequados PDF Imprimir E-mail
Seg, 09 de Julho de 2018 15:02

Você sabia que cerca de 62% das feridas causadas pela má circulação sanguínea reaparece após o tratamento porque os pacientes não recebem orientações adequadas sobre medidas simples, como uso correto da meia de compressão, importância do repouso e aplicação de creme hidratante? Esta é apenas uma das constatações dos projetos realizados pelos concluintes do curso técnico em Enfermagem e do pós-técnico em Saúde do Idoso, do Câmpus Joinville. É por isso que os profissionais formados na área de saúde saem do IFSC com um desafio: trabalhar para aumentar e melhorar a qualidade do acesso da população à informação.


Este viés é trabalhado durante os curso com o desenvolvimento de projetos de intervenção em saúde na comunidade. Os resultados dos últimos projetos, que comprovaram a necessidade e a importância da informação, foram apresentados, na sexta-feira (6), pelos formandos de Enfermagem e, no dia 28 de junho, pelos concluintes da especialização técnica.


No técnico em Enfermagem, o projeto integrador (PI) é requisito obrigatório para a conclusão do curso e começa já na primeira fase, envolvendo, os alunos, inicialmente, em atividades de pesquisa e, depois, em práticas de intervenção, embasadas em metodologia científica, interdisciplinaridade e demanda social. "O objetivo é incentivar os futuros profissionais a trabalhar com pesquisa e extensão comunitária, com foco na disseminação da informação e de orientações adequadas para melhoria da qualidade de vida e do acesso às políticas públicas de saúde", explica professora Márcia Bet Kohls.


Nesta edição, foram desenvolvidos seis projetos em cinco temas diferentes: alimentação saudável, transtorno do espectro autista, autocuidados em portadores de úlceras crônicas, técnicas de imobilização em casos de lesões e doação de órgãos. Assim como os temas, os públicos também foram distintos: estudantes do ensino fundamental, idosos, alunos e professores de jiu-jitsu, pacientes em atendimento e agentes comunitários de saúde.


"A interdisciplinaridade é essencial para a mudança de perfil dos profissionais e valorização da educação em saúde", justifica a coordenadora do curso, Sandra Joseane Fernandes Garcia. "A intervenção na comunidade tem caráter importante e fundamental para a formação dos futuros profissionais", elogia o diretor do Câmpus Joinville, Valter Vander de Oliveira.


Em Saúde do Idoso, segundo a coordenadora do curso, Betina Barbedo Andrade, o objetivo dos projetos de conclusão de curso é apresentar propostas que possibilitem aos idosos melhorar as condições de saúde, autonomia, integração e participação efetiva na sociedade. "As transformações no padrão de saúde da população exigem medidas organizadas para seu tratamento, controle e prevenção", ressalta a professora.


A partir de pesquisas científicas e bibliográficas e intervenção em grupos de idosos e unidades básicas de saúde, os alunos apresentaram um seminário em que foram abordados problemas comuns na terceira idade e que merecem maior atenção da saúde pública, dos profissionais da área e da sociedade como um todo. Os temas trabalhados pelos quatro grupos foram conscientização sobre importância da caderneta de saúde da pessoa idosa, benefícios da atividade física na terceira idade e conscientização sobre o uso inadequado de medicamentos.


Observações práticas


Quando Ivonete Mangold e Maria Cristina do Nascimento, de Enfermagem, deram início ao projeto "Autocuidado em portadores de úlceras crônicas em membros inferiores", já sabiam da importância da informação para que os pacientes aderissem ao tratamento do autocuidado, mas ainda desconheciam a proporção dos efeitos negativos da falta de conhecimento. "Ficamos surpresas com a quantidade de pessoas que desiste de usar a meia elástica, que é fundamental no tratamento, por não saber calçá-la", contam. O abandono da meia é um dos principais fatores para a reincidência das feridas, que atinge cerca de 62% dos pacientes.


Durante o projeto, elas acompanharam pacientes atendidos pela Policlínica Boa Vista, referência para tratamento das úlceras crônicas em Joinville. Durante as conversas, as estudantes ouviram as principais dúvidas dos pacientes e passaram orientações sobre a doença, tratamento e importância do autocuidado. "Observamos que a mudança de hábitos é complexa e exige reforço de toda equipe durante o tratamento", explicam.


Como reforço às orientações orais, Ivonete e Maria Cristina elaboraram um panfleto explicativo sobre "Cuidados a pacientes com úlceras crônicas", distribuído a pacientes e familiares. O material será inserido nas publicações da Secretaria Municipal de Saúde para distribuição permanente na Policlínica Boa Vista. "São dicas simples, mas importantes, para melhorar a adesão ao tratamento", destacam.


Todos os projetos integradores e trabalhos de conclusão de curso ficam disponíveis para consulta na Biblioteca.

Confira os projetos apresentados:


Enfermagem


O transtorno do espectro autista: características, direitos e inclusão social
Estudantes: Ana Claudia Kühl, Cristiane Nascimento dos Santos e Eliane Endler Lorensatto
Orientação: Márcia Bet Kohls


Doação de órgãos: orientações para agentes comunitários de saúde
Estudantes: Josimara de Paula Entrinnger e Kelly Simone de Souza Bonfin
Orientação: Débora Rinaldi Nogueira e Betina Barbedo Andrade


Técnicas de imobilização para alunos e professores de jiu-jitsu: oficina
Estudantes: Ana Paula Borges da Silva e Isaac Mateus Szcpepanski
Orientação: Reginalda Maciel


Educação em nutrição na adolescência
Estudantes: Larissa Fernandes Prado da Silva e Marcos Felipe da Silva Fernandes
Orientação: Roni Regina Miquelluzzi


Alimentação saudável: cuidado essencial para um bom envelhecimento
Estudantes: Jeana Lais Hoffmann e Maria Elizabete Nascimento Anacleto
Orientação: Roni Regina Miquelluzzi


Autocuidado em portadores de úlceras crônicas em membros inferiores
Estudantes: Ivonete Mangold e Maria Cristina do Nascimento
Orientação: Sandra Joseane Fernandes Garcia


Saúde do Idoso


Conscientizando os profissionais das unidades básicas de saúde e idosos acerca da importância do uso da caderneta de saúde da pessoa idosa
Estudantes: Ana Paula Nascimento e Maristela Melo de Aguiar


Caderneta de saúde da pessoa idosa: conscientização dos profissionais nas unidades básicas de saúde no município de Joinville
Estudantes: Angelita da Luz , Daniela Beninca Niering e Soraia Lia da Silva


Benefícios da atividade física na terceira idade
Estudantes: Adilson Brummer, Elizete Krutzsch e Tania Maria Bozzetto Bieger


Conscientização sobre o uso inadequado de medicamentos para o idoso e seus familiares
Estudantes: Alexandre Rodrigues Pacak, Ana Leticia da Cunha Onofre, Carlos Eduardo Below, Jeferson Rodrigues e Sirlane Cristina Pereira


Por Liane Dani | Jornalista do IFSC

 

 

banner estude no ifsc 180x80

icone docentes horarios atividades

portal aluno

assistencia estudantil

intercambio

Para visualizar PDF você precisa do Adobe Reader: Clique aqui para baixar.